Armando da Silva Carvalho conquista Prémio Pascoaes com a obra “Anthero Areia & Água”

A 7ª edição do Prémio de Poesia Teixeira de Pascoaes já tem um vencedor: Armando da Silva Carvalho com o livro “Anthero Areia & Água”, da editora Assírio & Alvim. O prémio será entregue pelo Presidente da Câmara Municipal de Amarante, Armindo Abreu, no próximo dia 11 de Dezembro, pelas 15:00, na Biblioteca Municipal Albano Sardoeira.

A concurso estiveram 118 obras, de 116 autores, tendo o Júri sido constituído pelos escritores António Cândido Franco, em representação da Associação Marânus, António José Queirós, Luís Adriano Carlos, Paula Morão e Virgílio Alberto Vieira.

Nascido em 1938, Armando da Silva Carvalho licenciou-se em Direito, na Universidade de Lisboa. Do seu percurso profissional destacam-se as actividades de técnico publicitário e professor e a colaboração em jornais e revistas, nomeadamente no Colóquio/Letras, no Jornal de Letras e Diário de Notícias.

Reconhecido no universo da literatura portuguesa, como poeta, ficcionista e tradutor, foram vários os títulos criados pelo escritor, nomeadamente “Lírica consumível”, que lhe valeu o Prémio Revelação da Sociedade Portuguesa de Autores, “Os ovos de oiro”, “Armas Brancas”, “Técnicas de engate”, “Sentimento de um ocidental”, “Canis Dei” e “O Amante Japonês” que, em 2008, lhe permitiu ganhar o Grande Prémio de Poesia, da Associação Portuguesa de Escritores/CTT.

O Prémio Teixeira de Pascoaes, de periodicidade bienal, foi instituído em 1997, aquando do 120º aniversário do nascimento do poeta. No rol de premiados constam os autores Paulo José Miranda, com o livro “A Voz que nos Trai” (primeira edição); Fernando Guimarães, com a obra “Limites para uma Árvore” (segunda edição); Fernando Echevarría, com “Introdução à Poesia” (terceira edição); Daniel Faria e Amadeu Baptista por, respectivamente, “Poesia Reunida” e “Paixão” (quarta edição) e Eduarda Chiote, por “O Meu Lugar à Mesa” (quinta edição). Em 2008, foi distinguido o escritor João Rui de Sousa, pela sua obra “Quarteto para as próximas chuvas”.

Nesta 7ª edição, além da entrega do Prémio a Armando da Silva Carvalho, constam do programa duas conferências subordinadas aos temas “Pascoaes: Um Pensamento Poético”, por Nuno Júdice, e “Ramificações da Renascença Portuguesa”, conduzida por Miguel Real. No final, serão declamados poemas por Fernando Soares.

 

Fonte: C.M. Amarante

Publicidade